Feliz Mil-Homens: “Valorizar resíduos dos TM e TMB” é o grande desafio que o país enfrenta

O assessor da direcção da AVALER – Associação de Entidades de Valorização Energética de Resíduos Sólidos Urbanos, Feliz Mil-Homens, que será orador do 10º Fórum Nacional de Resíduos, acredita que o principal desafio que se coloca ao país na área dos resíduos urbanos passa por “encontrar um destino que permita valorizar os resíduos que saem, e sairão no futuro, dos pré-tratamentos do tipo tratamento mecânico e tratamento mecânico e biológico existentes”.

 

“Quando todos os TM e TMB estiverem a funcionar (…) desses sistemas de pré-tratamento sairá cerca de um milhão de toneladas de resíduos. Encontrar um processo de valorizar esses resíduos é um verdadeiro problema de economia circular e de fecho dos ciclos dos materiais, ao qual o PERSU 2020 não dá resposta. Certamente que a indústria cimenteira e eventualmente outras consumirão uma pequena fracção destes resíduos, mas subsiste o problema de encontrar valorização para a maioria destes resíduos, os quais, pelas suas características de poder calorífico e conteúdo de poluentes, só podem ter um de dois destinos: o aterro sanitário ou a valorização energética dedicada”, sublinha.

 

No ano em que o Fórum Nacional dos Resíduos comemora o 10.º aniversário, o jornal Água&Ambiente foi ouvir algumas das principais entidades e personalidades do sector para identificar desafios e oportunidades que se avizinham num futuro próximo e que serão abordadas durante o evento.

 

O 10º Fórum Nacional de Resíduos decorre a 19 e 20 de Abril no Sana Malhoa Hotel, em Lisboa, e é uma organização do jornal Água&Ambiente, uma publicação do Grupo About Media.