14 milhões de toneladas de resíduos desviadas de aterro em 20 anos

13.02.2020

Passados 20 anos desde a construção da primeira Central de Valorização Energética (CVE) do país foi possível desviar de deposição em aterro 14 milhões de toneladas de resíduos, transformando-as em energia.

 

Esta energia foi enviada para a rede elétrica poupando o recurso a outras fontes e evitando importações.

 

“Destinada a tratar resíduos provenientes da recolha indiferenciada, por dia a CVE recebe perto de 2000 toneladas de resíduos e produz energia suficiente para abastecer uma cidade de 150 mil habitantes”, afirma a Valorsul em comunicado.

VOLTAR