"Água doce, fluir com o rio" é um livro que ensina os mais novos a preservar um recurso precioso

23.04.2018

"Água doce, fluir com o rio", um livro que ensina os mais novos a explorar o "maravilhoso mundo da água doce, um recurso limitado e precioso", foi apresentado na tarde de quinta-feira, no Museu da Água da EPAL – Estação Elevatória a Vapor dos Barbadinhos.

 

Os textos são da autoria de Danuta Wojciechowska (na foto) e Joaninha Duarte e as ilustrações de Danuta Wojciechowska. A edição é da Lupa Design. O livro foi apresentado por Marcos Sá, diretor de Comunicação e Educação Ambiental da EPAL (na foto), e por Catarina de Albuquerque, relatora especial da ONU sobre o Direito Humano à Água e Saneamento, entre 2008 e 2014.

 

Através de uma linguagem lúdica, jogos e atividades, assinala-se "a importância e a urgência de proteger os cursos de água e os seus ecossistemas". Ao mesmo tempo "destaca-se a riqueza deste património, do ponto de vista material e imaterial".


O livro contou com a consultadoria científica da bióloga Ana Canas do Fluviário de Mora e revisão científica do Instituto da Conservação da Natureza e das Florestas, I.P. Custa 13,25 euros, tem 48 páginas e está indicado para a faixa etária entre os 5 e os 12 anos.

VOLTAR