Brasil discute modelos europeus e vive controvérsia no saneamento básico

30.07.2020

Álvaro Menezes da Costa, colunista regular do Água & Ambiente – Portal Ambiente Online para o Brasil, dá nota de que a recente aprovação no Senado do novo marco legal do saneamento básico está a gerar controvérsia e a fazer ressurgir as mesmas teorias faladas há duas décadas atrás. Mas não será tempo de se procurar conhecer a realidade brasileira ao invés de querer copiar modelos Europeus para defender a remunicipalização ou a concessão a privados? Será que os resultados existentes não mostram que há bons resultados com origem em operadores públicos e privados? Mas o o que resta fazer agora? Esperar que os operadores privados tenham acreditado nas metas de investimento e se tornem fiadores ou agentes diretos da salvação da economia nacional? Implantar uma estratégia de gestão de serviços com visão regionalista mas apoiada num plano nacional de gestão e regulação de serviços? Leia na íntegra a opinião do especialista e em Recursos Hídricos e Saneamento.

 

VOLTAR