Dois estudos da REN para interligações energéticas já têm apoio assegurado

Estados-Membros deram hoje luz verde a investimento de 150 milhões para 20 projectos na União Europeia

14.07.2015

Dois estudos a realizar pela REN (Redes Energéticas Nacionais), no âmbito das interligações energéticas na União Europeia, para gás natural e electricidade, já têm apoio garantido de Bruxelas. Os dois projectos portugueses constam de uma lista de 20 acções a realizar. Os Estados-Membros deram hoje luz verde a um total de 150 milhões de euros de investimento para “grandes projectos de infra-estruturas energéticas transeuropeias”, propostos pela Comissão Europeia.

 

Uma das acções aprovada, na área do gás natural, a desenvolver pela REN - Gasodutos, S.A., corresponde a um estudo de engenharia com a configuração e detalhes de uma terceira ligação energética de gás natural a desenvolver entre Portugal e Espanha, que será comparticipada até 505 mil euros.

 

A outra acção, na área da electricidade, que será concretizada pela REN - Rede Eléctrica Nacional, S.A., diz respeito a um estudo ambiental e de engenharia na zona norte do país (Frades - Ribeira de Pena - Feira). Esta acção será apoiada até um máximo de 250 mil euros pela Europa.

 

Os projectos foram selecionados na sequência de um convite à apresentação de propostas no âmbito do “Mecanismo Interligar a Europa”

 

A maior parte do apoio é destinado a projectos na Europa Centro-Oriental e do Sudeste, bem como a projectos na região do Báltico.

 

Os projectos selecionados irão “aumentar a segurança energética e contribuir para pôr termo ao isolamento de certos Estados‑Membros relativamente às redes de energia da União Europeia”, salienta a Comissão Europeia.

 

Irão contribuir também para a criação de “um mercado europeu da energia e para a integração das fontes de energia renováveis na rede de eletricidade”.

 

Ana Santiago 

TAGS: Interligações energéticas , Europa , União da Energia , Portugal , Espanha , electricidade , gás , REN
Vai gostar de ver
VOLTAR