EPAL será o primeiro operador do setor da água energicamente autossustentável

02.12.2019

A Empresa Portuguesa das Águas Livres (EPAL) pretende tornar-se no primeiro operador do setor da água energicamente autossustentável. Através do Projeto 0% Energia, a EPAL irá alcançar, até 2025, a neutralidade de emissões, produzindo a sua própria energia a partir de fontes renováveis.

 

O processo irá decorrer por meio da “instalação de centrais de produção de energia hidroelética nas condutas de água, eólica e fotovoltaica, retirando partido do storage nos reservatórios existentes”, explica a empresa em comunicado. 

 

Este projeto, desenvolvido com o apoio de várias empresas e instituições, irá permitir a eliminação de 38 mil toneladas de emissões de CO2. O Grupo Águas de Portugal consome anualmente cerca de 700 GWh, dos quais 140 GWh são consumidos na EPAL, representanto cerca de 0,3 por cento do consumo nacional de energia elétrica. 

VOLTAR