Escolas reciclam 2560 toneladas de embalagens em 2020

31.03.2021

Em 2020 os estabelecimentos de ensino reciclaram 2560 toneladas de embalagens, superando os valores de 2019, tendo sido encaminhadas para reciclar 620 toneladas de papel e cartão, 302 toneladas de plástico, metal e pacotes de bebida e 43 toneladas de vidro.

 

Estes são alguns dos números que resultaram da 19.ª edição do Programa Ecovalor (2020), iniciativa de educação ambiental dedicada em exclusivo à comunidade escolar e disponível em cerca de 60% do território nacional. Neste participaram 1136 estabelecimentos de ensino, mais de 331 mil alunos, professores e auxiliares, que, apesar da pandemia, não deixaram de implementar boas práticas de redução e reutilização de resíduos. O material separado pelos alunos foi encaminhado para reciclar e cada escola recebe o seu prémio em função da quantidade reciclada, num total de 139,250 euros.

 

A Escola do Ensino Básico de Moledo – Lourinhã foi a que mais se destacou, tendo acumulado 25 toneladas, seguida do Centro Infantil do Hospital de Faro, com 23 toneladas, e da Escola EB1/JI da Conceição também de Faro, com 22 toneladas.

 

O Programa Ecovalor, da EGF – Empresa Geral do Fomento, tem como objetivo promover boas práticas ambientais em estabelecimentos de ensino, premiando aquelas que apresentam melhor desempenho na reciclagem das suas embalagens usadas. Para além das ações de sensibilização (também disponíveis online), este programa assegura a recolha seletiva, entrega sacos e suportes e inclui o concurso Separa e Ganha – por cada saco de embalagens destinadas ao ecoponto amarelo, a escola receberá 0,50€. Os valores associados à reciclagem de papel/cartão e vidro é específica de algumas regiões, que já deram o passo na reciclagem de mais materiais.

TAGS: EGF , reciclagem , escolas , Programa Ecovalor
Vai gostar de ver
VOLTAR