Oportunidades de negócio e financiamento do setor da água em quatro países da CPLP

19.05.2017

As oportunidades de negócio que existem para as empresas do setor da água em quatro países da CPLP (Comunidade dos Países de Língua Oficial Portuguesa) - Guiné-Bissau, Guiné Equatorial, São Tomé e Príncipe e Timor-Leste - e as possibilidades de financiamento da União Europeia vão ser apresentadas num seminário organizado pela PPA (Parceria Portuguesa para a Água) a 23 de maio.

 

A sessão de “Apresentação pública dos estudos EuropeAid + Novos Mercados CPLP” terá lugar no auditório da ETA da Boavista, nas instalações da Águas do Centro Litoral, em Coimbra.

  

O diretor executivo da PPA, João Simão Pires, explica ao Ambiente Online que no âmbito do Projecto P3LP – Pontes e Parcerias nos Países de Língua Portuguesa, uma das preocupações da PPA centra-se na promoção da elaboração de estudos especializados (alguns podem ser consultados aqui) que visam suprir lacunas específicas de conhecimento relevantes para a internacionalização das empresas portuguesas que integram o sector da água.

 

"Neste quadro, atendendo a que no universo lusófono os mercados de Angola, Brasil, Cabo Verde e Moçambique foram recentemente objecto de estudo aprofundado, designadamente no âmbito do projecto ÁguaGlobal, promovido pela PPA em parceria com a AEP, foram agora desenvolvidos estudos similares sobre o setor da água nos demais mercados do espaço da CPLP", sublinha.

 

O estudo “Oportunidades EuropeAid no Universo CPLP”, compreende o “levantamento e análise detalhada de informação sobre as características e oportunidades proporcionadas pelos instrumentos de financiamento da União Europeia para a cooperação e apoio ao desenvolvimento, procurando igualmente documentar boas práticas no acesso a estas oportunidades por parte das empresas portuguesas”.

 

Os “Estudos de novos mercados-alvo no universo CPLP” centram-se no levantamento e análise de informação sobre as características e oportunidades de negócio em quatro países do universo CPLP – Guiné-Bissau, Guiné Equatorial, São Tomé e Príncipe e Timor-Leste, “cujo conhecimento dos respetivos sectores da água por parte das empresas Portuguesas é ainda relativamente incipiente”.

 

A participação na sessão, que visa apresentar a todas as empresas interessadas as principais conclusões e recomendações resultantes deste conjunto de estudos, é livre mas sujeita a inscrição e confirmação através do email geral@ppa.pt. Consulte aqui o programa do seminário.

TAGS: água , dinheiro , PPA , oportunidades de negócio , PPA , Parceria Portuguesa para a Água
Vai gostar de ver
VOLTAR