População de Ribeira da Pena contra linha de alta tensão “por cima de habitações”

13.01.2021

Os habitantes de Fontes, Ruival e Friúme, localidades do concelho de Ribeira da Pena, distrito de Vila Real, estão revoltados com a instalação de uma linha de alta tensão praticamente “em cima das habitações” e lançaram um abaixo-assinado.

 

A linha de alta tensão, que atravessa aquelas três localidades, foi projetada e está a ser executada pela EDP - Distribuição, tratando-se de um serviço afetado do Complexo Hidroelétrico do Alto Tâmega, de acordo com o avançado pela Agência Lusa.

 

"Esta intervenção vai criar muitos transtornos, eventualmente até a nível de saúde, e desvalorizar habitações e terrenos agrícolas", realçou uma das moradoras à agência noticiosa, afirmando ainda que a linha de alta tensão podia ser deslocada para junto ao rio "onde não existe população" contrariamente ao que está a ser projetado e que "afeta muitos moradores e vários loteamentos ainda em construção". Os habitantes locais pedem, por isso, a intervenção do Governo, da Direção Geral de Energia e Geologia (DGEG) e Associação Portuguesa do Ambiente (APA).

 

Já Luís Ramos, deputado do PSD eleito por Vila Real, realizou uma reunião com os moradores afetados e explicou à Lusa estar "perplexo" com a falta de informação às populações. "Como é possível que seja feita uma reposição de linha de muita alta tensão desta forma sem que as populações sejam consultadas, sem que sejam informadas. As várias tentativas de contacto por parte das populações, e da Câmara de Ribeira de Pena junto da DGEG e da APA não têm tido nenhuma informação", apontou. O deputado revelou que o PSD vai fazer um requerimento com a finalidade de "ouvir as populações, os seus representantes, e as várias instituições.

 

Ainda segundo o abaixo-assinado, após ter conhecimento da proposta para restabelecimento da linha de alta tensão, a população local demonstrou a sua preocupação junto das autoridades locais, e a Câmara de Ribeira de Pena opôs-se "negativamente à proposta apresentada. Sabemos que houve dois estudos, por parte da EDP-Distribuição, para o traçado da linha alta tensão de 60kV, Fermil-Bragadas, um aéreo e um outro soterrado. Sabemos que, a proposta da Câmara Municipal, passaria por soterrar a linha de alta tensão de 60kV, Fermil-Bragadas. A população de Fontes, Ruival e Friúme, tem como opção o soterramento ou o desvio para a margem do rio, deslocação mais abaixo sem ser no meio das habitações, da linha de alta tensão de 60 kV, Fermil-Bragadas", destaca ainda o documento.

VOLTAR