SGRU já armazenaram 8 milhões de euros em material e não têm mais espaço

03.02.2017

Os Sistemas de Gestão de Resíduos Urbanos (SGRU), que ao longo do último ano recuperaram resíduos de embalagens da recolha indiferenciada através das unidades de tratamento mecânico, têm acumulado toneladas de material na expetativa de que venha a ser pago no âmbito do novo SIGRE, mas a maioria já tem a capacidade de armazenamento esgotada.


Só os sistemas intermunicipais associados da ESGRA (Associação de Empresas Gestoras de Sistemas de Resíduos) têm 8.500 toneladas de resíduos nesta situação. O alerta é feito pelo presidente da ESGRA, Paulo Praça, em declarações ao Água&Ambiente na Hora.
 

“O novo SIGRE e a sua operacionalização” é um dos dossiês que estará em discussão no 11º Fórum Nacional de Resíduos, que se realiza a 19 e 20 de abril, em Lisboa, uma organização do jornal Água&Ambiente do grupo About Media.

 

Leia a notícia completa do Água&Ambiente na Hora (Nº 100 - 02.02.2017). Para subscrever o novo serviço de informação Água&Ambiente na Hora envie um e-mail para assinaturas@about.pt. Pode visualizar aqui as condições de subscrição.

TAGS: resíduos , embalagens , valor de informação , valor de contrapartida
Vai gostar de ver
VOLTAR