The Body Shop organiza compra de plásticos reciclados na Índia

13.05.2019

A The Body Shop revelou uma obra de arte gigante representando uma recolhedora de lixo indiana. feita com plástico reciclado proveniente de recolhedores de lixo de Bangalore, Índia. A obra que esteve em exibição no último fim de semana no Borough Market, em Londres. A iniciativa destaca o lado humano menos conhecido da crise do plástico  e torna-se, para a empresa, o primeiro Comércio de Plástico Reciclado com Comunidades naquela região.

 

Só na Índia existem 1,5 milhões de recolhedores de lixo, que apanham 6 mil toneladas de plástico todos os dias. A maioria dos recolhedores da Índia são Dalits, anteriormente conhecidos como “os intocáveis”. Estas pessoas são praticamente invisíveis na sociedade indiana e estão em situação vulnerável no que respeita aos rendimentos incertos que recebem para pagar o plástico que apanham. Esta realidade faz com que o seu acesso a bens essenciais e a serviços básicos como educação ou saúde seja muito difícil.

 

Durante o ano de 2019 a The Body Shop comprará 250 toneladas de plástico reciclado proveniente deste Comércio com Comunidades, para usar em quase três milhões de garrafas de 250 ml de champôs e condicionadores. Esta fase marca o início de uma ambição maior, que é a de introduzir o Comércio com Comunidades de Plástico Reciclado em todo o plástico PET (politereftalato de etileno) usado pela The Body Shop nos próximos três anos.

 

Ao longo desse tempo  vai registar-se um aumento na compra de plástico reciclado proveniente do Comércio com Comunidades para mais de 900 toneladas, com o objetivo de empoderar até 2500 recolhedores de Bangalore, que receberão, segundo The Body Shop “um preço justo e estável pelo seu trabalho e acesso a melhores condições de trabalho”.

 

VOLTAR