EPAL apresenta ‘Projeto Centrais Fotovoltaicas’

28.04.2021

Neste que define como mais um passo no seu compromisso com a neutralidade energética e mitigação os efeitos das alterações climáticas (EPAL 0%), a EPAL apresenta o Projeto Centrais Fotovoltaicas - Estação Elevatória de Telheiras (0.5 MW) e Parque das Nações (0.65 MW) (1.2 milhões de euros).

 

O projeto engloba as primeiras centrais fotovoltaicas no Parque das Nações, que incluem um parque de estacionamento com coberturas fotovoltaicas, onde se localizam os carregadores elétricos para a frota elétrica da EPAL num total de 650 kW, investimento financiado pelo POSEUR. Este terá painéis fotovoltaicos como cobertura dos telheiros: estão em causa cerca de 650 kW, num investimento de 744.000 euros. A energia renovável produzida será utilizada no carregamento de viaturas elétricas e para suprir as necessidades energéticas do complexo EPAL no Parque das Nações.

 

Também a Estação Elevatória de Telheiras terá uma central fotovoltaica de 500 kW, preconizando-se a médio prazo, a ampliação de 1 MW. Um dos Reservatórios será coberto, instalando, para já, cerca de 500 kW, com um investimento de 463.000 euros. Posteriormente, tudo ficará preparado para um segundo investimento de mais 500 kW, na segunda célula, após alterações no modelo de exploração para a nova realidade fotovoltaica.

 

A sessão de apresentação pública do projeto decorre hoje, no Laboratório Central da EPAL, no Parque das Nações, que conta com a presença do ministro do Ambiente e da Ação Climática, João Pedro Matos Fernandes.

 

De destacar, que está em fase de preparação um novo concurso para instalar mais 500 kW no Parque das Nações, num investimento de 700.000 euros, que tem como objetivo fornecer energia renovável à Estação Elevatória dos Olivais.

 

Ainda sobre centrais fotovoltaicas, a próxima etapa, durante o 1.º semestre de 2021, será o lançamento dos seguintes investimentos: Central fotovoltaica da ETA de Vale da Pedra 650 kW, Central fotovoltaica da Captação de Valada Tejo 850 kW, Central fotovoltaica da Captação da Estação Elevatória de Amadora 1.5 MW, Central fotovoltaica da Estação Elevatória de Vila Franca de Xira 2 MW e Central fotovoltaica da ETA de Asseiceira 1 MW.

TAGS: EPAL , Matos Fernandes , MAAC , energia fotovoltaica
Vai gostar de ver
VOLTAR