Município de Barcelos afirma que acionista minoritário inviabilizou “acordo da água”

01.06.2021

A Câmara de Barcelos anunciou ontem, 31 de maio, em comunicado, que o acionista minoritário da Águas de Barcelos (AdB) se recusou a assinar o contrato prometido em 19 de maio de 2017 para cessão da sua participação a favor do município, acrescentando ainda que, perante o “incumprimento verificado, vai ponderar todas as medidas a adotar, no sentido de preservar o superior interesse de Barcelos e dos barcelenses”.


A recusa terá sido feita com base na “argumentação de que não concordavam com a minuta, que o prazo estava passado e a falta do visto do Tribunal de Contas”, descreveu.


A ABB é detentora de 25 por cento da AdB, a empresa concessionária da água e saneamento de Barcelos.


A Câmara de Barcelos aprovou, em 2017, a aquisição de 49% da concessão, um negócio passaria pela aquisição dos 25% detidos pela ABB e de 24% da participação do acionista maioritário. De acordo com o município, o contrato assinado em 2017 “foi sendo aditado na sua vigência através de sucessivas prorrogações, uma vez que se estava a aguardar a aprovação do reequilíbrio económico e financeiro por parte do sindicato bancário da concessionária”.


A Assembleia Municipal de Barcelos já tinha aprovado o financiamento bancário municipal para a concretização desta operação.

TAGS: Barcelos , AdB , ABB , Águas de Barcelos , Câmara Municipal de Barcelos
Vai gostar de ver
VOLTAR